Um dia Jesus disse a uma mulher que tinha um fluxo de sangue: “A tua fé te salvou”. Também, o disse a um homem e muitos outros, quando realizava milagres – A tua fé te salvou!

Marcos 10:46-52 “Depois, foram para Jericó. E, saindo ele de Jericó com seus discípulos e uma grande multidão, Bartimeu, o cego, filho de Timeu, estava assentado junto do caminho, mendigando. E, ouvindo que era Jesus de Nazaré, começou a clamar, e a dizer: Jesus, filho de Davi, tem misericórdia de mim. E muitos o repreendiam, para que se calasse; mas ele clamava cada vez mais: Filho de Davi! tem misericórdia de mim. E Jesus, parando, disse que o chamassem; e chamaram o cego, dizendo-lhe: Tem bom ânimo; levanta-te, que ele te chama. E ele, lançando de si a sua capa, levantou-se, e foi ter com Jesus. E Jesus, falando, disse-lhe: Que queres que te faça? E o cego lhe disse: Mestre, que eu tenha vista. E Jesus lhe disse: Vai, a tua fé te salvou. E logo viu, e seguiu a Jesus pelo caminho.

Quando lemos o Novo testamento, descobrimos que a frase a tua fé te salvou é encontrada quase todas as vezes que Jesus Cristo ministrou às pessoas. Podemos ver que, não foi apenas o poder de Cristo que as curou. Ainda que, o poder que o Salvador possuía estivesse a operar, podemos ouvir que Ele não disse: “o meu poder te curou”. Mas Ele declarou: A tua fé te salvou! Há uma mistura. A nossa fé é demasiado importante. Não podemos desvalorizá-la. Fé tem ação. Bartimeu teve uma ação.

A Palavra de Deus declara que, Jesus veio ao mundo para buscar e salvar os perdidos, e libertar os cativos. O Milagre chegou! O milagre passará ao seu lado ou você irá aceitá-lo? Não compete a Jesus, à sua família ou ao seu vizinho, mas a si receber de Deus aquilo que precisa.

Em certas coisas da vida temos de aprender o protocolo. Por exemplo, para entrar na Presença de Deus, devemos ir com louvor e adoração. Outro exemplo são os exércitos. Um soldado não vai a um coronel sem ser chamado e sem ser levado por um sargento. Também, tem um modo especial de se apresentar. “Soldado de classe reportando-se, conforme ordenado, senhor!” Depois fica em pé até o coronel falar alguma coisa. Se ele não disser nada permanece em pé, parado, até ele dizer algo. Isto é protocolo.

Não podemos esperar para ser apresentados a Jesus, senão estaremos em apuros, porque o diabo vigiará e trabalhará para que a oportunidade nunca chegue. O diabo sempre trabalhará para impedir-nos de entrar no Reino de Deus. Tome a iniciativa para descobrir a Jesus, pois Deus tirou todo o impedimento quando Jesus foi a Cruz.

Antes do Calvário, não se podia chegar até a presença de Deus. Era possível entrar apenas em certa área do templo. O sacerdote levava o sacrifício pelo ofertante. Então, ele saía, matava o animal e concluía seu serviço. O sacerdote era o único que podia ir até a presença do Todo-Poderoso. Deus fez-nos reis e sacerdotes. Reis para reinarmos e tomarmos autoridade. Sacerdotes para irmos à Presença de Deus. Contudo, primeiramente temos de passar pelo Sangue de Jesus. Este lava-nos e  purifica-nos.

As pessoas jamais podiam falar com o Pai celestial. Era preciso obedecer ao protocolo religioso. Isto é, o sacerdócio que o Altíssimo tinha estabelecido para que as pessoas pudessem chegar até Ele.

No dia em que Jesus foi crucificado, o véu do templo (que separava o homem natural da presença de Deus) foi rasgado de alto a baixo. Foi o Poder de Deus que rasgou o véu que fazia separação entre Deus e o Homem. A Presença de Deus deixou de estar no templo e passou a estar dentro de cada um de nós. Assim, hoje podemos ir à Presença de Deus. O Homem teve a permissão de entrar na genuína presença de Deus pelo sangue de Jesus Cristo!

A FÉ REAL CONSEGUE A RESPOSTA

O cego Bartimeu entendeu que, para receber de Jesus o que necessitava (a cura), tinha de fazer alguma coisa a respeito. As pessoas da multidão não estavam dispostas a ajudá-lo a chegar até Jesus.  Muitos disseram-lhe que se calasse.

Marcos 10:48 E muitos o repreendiam, para que se calasse; mas ele clamava cada vez mais: Filho de Davi! tem misericórdia de mim.”

Mas Bartimeu sabia que o milagre estava a chegar. Ele tinha ouvido falar de Jesus. Ele clamava alto, pois entre ele e Jesus havia uma multidão.

Romanos 10:17 De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus.”

Eu posso tudo aquilo que a Palavra diz que eu posso. Eu sou tudo aquilo que a Palavra diz que eu sou. Apenas podemos ser, ter o que a Palavra diz, quando nos alimentamos da Palavra e a conhecemos. Só assim ela trará o milagre para nós.

Bartimeu tinha ouvido tudo o que Jesus andava a fazer e, então, teve fé. A multidão disse-lhe para ficar quieto e calado, pois não queria ser incomodada, queria ver os milagres que Jesus ia fazer. Contudo, Bartimeu queria receber o seu milagre. Muitas pessoas impedem outras de receber milagres. É o seu milagre que vai fazer com que a multidão mude.

Não podemos dar ouvidos à tradição e à voz do mundo, em vez de ouvir o que Deus diz. Não podemos ficar sentados e calados. A fé real está lá, não pode ser abafada, nem calada, nem silenciada. A fé real é persistente. A verdadeira fé consegue a resposta.

Não podemos estar só a tentar algo, mas temos de ter fé. Quando Bartimeu gritou mais alto, Jesus parou: “ouço alguém a esforçar-se para alcançar-me, a chamar por mim”. A multidão mudou quando Jesus o chamou. “Ele quer falar consigo. Abram caminho. O Mestre quer vê-lo”.

O poder de Deus sempre reconhece o clamor da fé.

 

LANCE FORA O SEU PASSADO

Jesus parou. Ele vai sempre parar quando um grito de fé o alcançar.

Marcos 10:50 E ele, lançando de si a sua capa, levantou-se, e foi ter com Jesus. Bartimeu usava uma capa que dizia que ele era um mendigo e cego.”

Bartimeu lançou fora a capa e deixou-a no chão quando foi até Jesus!  Bartimeu usava uma capa que o identificava como cego e pedinte. Porém, ele deitou a capa fora, porque não a queria usar mais. Ele não apenas teve fé para gritar por Jesus, mas também deixou a capa ao lado, e não voltou mais para apanhá-la, mas começou a seguir Jesus pelo caminho. As suas atitudes mostram a sua fé.

Jesus, no verso 51, disse: Que queres que te faça?” Ele esperava uma resposta exata.

Hoje Jesus está-nos a fazer a mesma pergunta. Bartimeu lançou fora a sua capa. Demonstrou a sua fé. Depois foi até Jesus e disse: “Mestre, que eu tenha vista.” Jesus respondeu: “A tua fé te salvou!”

Bartimeu teve a opção de ter atenção ao protocolo, não clamar por Jesus e perder o seu milagre.

Hoje é o seu dia para pedir a Deus. Cabe a si, com a sua voz, clamar por Ele. Lance fora a dúvida e a incredulidade, como Bartimeu lançou a sua capa. É da vontade de Deus curá-lo e libertá-lo e abençoá-lo, seja espiritual, física ou mentalmente.

Levante-se e diga como Bartimeu disse: “Jesus, filho de Deus, tem misericórdia de mim”. Creia somente. Foi o que Bartimeu fez. Ele deitou tudo fora e foi como se tivesse afirmado: “eu creio”.

 

Pode ver o vídeo que disponibilizamos abaixo, ou ouvir o podcast em: https://anchor.fm/apantonioferreira

 

 

Phone: +351 234 308 422
3800-587 Cacia - Aveiro
Rua da Paz, Nº 263, Lote 9